Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Maio, 2013

FAMÍLIA BALSENSE

Com o tema família em discussão há necessidade de quem tem uma salvá-la antes que acabe. Quem teve o privilégio de nascer em uma família baseada nos moldes da que estávamos acostumados a ver, tem o dever de preservar a lembrança, sob pena de perder os vínculos proporcionados por ela, exatamente pelas imposições das novidades que ora se apresentam como parâmetro familiar. Em Balsas, família era a pedra fundamental da formação do município. Acredito que em outros municípios seria da mesma forma.  Quando se conhecia alguém pela primeira vez, tínhamos o costume de perguntar:  - De que família você é? Você é filho de quem? (linguagem empregada na época) O cartão de crédito do balsense era exatamente o laço que o vinculava a uma família. Hoje isso está acabando. Se é bom ou ruim, não é o caso agora discutir. Famílias tradicionais, outras nem tanto. O importante é que o balsense não era um indivíduo isolado; ele era alguém dentro de um clã. E não estava nem um pouco preocupado

COMI$$ÃO DA VERDADE

As coisas no Brasil estão invertidas. Comi$$ão da Verdade é um nome pomposo para expressar a falsidade dos seus verdadeiros propósitos. Hoje, o coronel reformado do Exército, Carlos Alberto Brilhante Ustra, compareceu à tal Comissão da Verdade para responder a perguntas formuladas por arruaceiros dissimulados de "verdadeiros cidadãos". Um deles é um frustrado procurador que sonha em ser padre: Cláudio Fonteles.  E o coronel deu o troco. Falou sobre a participação efetiva da nossa "presidenta" Dilma em ações terroristas:  - “Inclusive nas quatro organizações terroristas que nossa atual presidenta da República, hoje está lá na Presidência da República, ela pertenceu a quatro organizações terroristas que tinham isso, de implantar o comunismo no Brasil. Então estávamos conscientes de que estávamos lutando para preservar a democracia e estávamos lutando contra o comunismo. [...] Se não fosse a nossa luta, se não tivéssemos lutado, hoje eu não estaria aqui porqu

DIA DO TRABALHADOR?

Hoje é o dia do TRABALHADOR ou do TRABALHO? É bom que comecemos o dia questionando sobre isso e chegar à conclusão se e o mais importante mesmo é o trabalhador ou o trabalho. Um viveria sem o outro? Não vou falar aqui da origem do dia destinado às comemorações. Isso não tem tanta importância para o que me motivou a escrever. Vou invocar o filósofo Kardec que cuidadosamente transporta para o Livro dos Espíritos, questão nº 680, a resposta dos seres humanos que já habitaram no Planeta Terra e galgaram, por seus próprios esforços, melhores condições de no post-mortem  nos dizer algo mais sóbrio relacionado ao TRABALHO. Permitam-me transcrevê-la abaixo: Livro dos Espíritos - questão nº 680 - Não há homens que são incapazes para o trabalho, qualquer que seja, e cuja existência é inútil? - Deus é justo e não condena senão aquele cuja existência é voluntariamente inútil e vive na dependência do trabalho dos outros . Ele quer que cada um se torne útil, segundo suas faculdades.