Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Março, 2012

Hoje é dia do Circo

Hoje é o dia do Circo e do artista circense e cada um de nós tem algo a falar sobre o circo. Em se falando em Circo fatalmente me veio a lembrança de Balsas, cidade do sul do Maranhão, distante da capital em quase 900 km. A estrada era a Transamazônica, BR 230, construída no governo dos militares. No povoado Orosimbo pegava-se a esquerda e seguia por rodovia estadual até chegar a São Luis. Antes da construção da Transamazônica,  não havia estrada, eram caminhos por onde os carros se aventuravam até chegar àquele ponto esquecido do estado do Maranhão. E o que isso tem a ver com o circo? Tudo. Apesar das enormes dificuldades de transporte por lá chegavam circos para animar a população tão ávida de novidades. Hoje eu fico imaginando o sacrifício que esse aventureiros enfrentavam para chegar aonde eu estava. Só para me mostrarem o circo. Eu e os outros moleques da cidade. Só para que se tenha uma idéia de Balsas a Mangabeiras são aproximadamente 86 km e quando chovia gastava-se até 11 ho…

Filmes de bang-bang

Tenho certeza absoluta que os balsenses que tiveram a felicidade de habitar na cidade nos anos 60 e 70 vão se lembrar muito bem dessa música.     Lembrando da música não há como escapar às tardes de domingo quando no cinema fazia-se a chamada para os filmes de faroeste. A gurizada ficava eufórica para assistir à estréia do filme da semana. E não era qualquer filme. Era filme de Django. Fazia fila de tanta gente para entrar no cinema à tarde. Zé do Cine Éden caprichava na chamada. Eram alto-falantes pendurados no alto de uma torre que espalhava a notícia pelo Balsas inteiro.    Dentro da sala ficávamos sentados e observando os que por ainda estavam chegando. Era uma festa só. Eu mesmo ficava de olho nas garotas bonitas da cidade que chegavam com seus pais ou alguém da família. Isso não impedia a admiração de ver antes do filme as belezas da cidade todas arrumadas para o evento. Geralmente procurava ficar perto de algum amigo e um dos que mais assistiu filme comigo foi o Antonio Cés…

O estádio do Corinthias agora tem nome

Eu vi hoje alguns sites fazendo enquete sobre o nome do estádio em construção no bairro de Itaquera, em São Paulo, em cujas instalações haverão jogos da Copa; isso se conseguirem construí-lo até a data estabelecida.    Vi algumas sugestões, tais como Itaquerão, Coringão, Arena de São Paulo, Arena do Corinthias e etc.    Com o intuito de ajudar, pensei um pouco e constatei que os estádios vieram do Império Romano e  nada mais salutar do que homenagear os criadores desse ambiente que desperta paixões exacerbadas em muita gente e depois homenagear realmente quem pretende ser o anfitrião daquele espaço. Como na Roma antiga se falava o Latim, também seria justo trazê-lo à questão. Em assim sendo, agradaríamos  gregos e troianos.    Em se tratando de corintiano, lembrei-me que esse torcedor, especificamente ele, tem um linguajar todo apropriado para expressar o seu amor pelo Timão, e não raro o vemos aos berros dizer que torce pelo “curinthias”. Isso mesmo, com "U" bem acentuado…